REAL MARAVILHOSO

realismo mágico no cinema latino-americano atual

 

 

 

 

 

 

 

 

com Isabella Poppe

05, 10 e 12 de maio 2022

terças e quintas, das 18h30 às 21h

 

[aulas ao vivo, via plataforma online ZOOM]

 

 

 

_____

sobre

O curso, proposto e conduzido pela historiadora e roteirista  Isabella Poppe, mergulha na produção audiovisual latino-americana contemporânea que faz uso do realismo mágico para desenvolver e potencializar suas narrativas.

Observando como esse gênero ajudou a construir significados para uma nova identidade latino-americana, Isabella trabalha a maneira como o realismo mágico se insere no cinema atual da região, buscando ampliar as possibilidades criativas de construção do roteiro de um filme em diálogo com linguagens e realidades da América Latina.

Crescemos aprendendo a separar categoricamente o real do irreal, o que é natural do que é sobrenatural, ciência e magia. Mas, se olhamos para a vida nesse século XXI que vivemos, observamos que essas noções nem sempre possuem contornos tão definidos.  Pensando nisso,  será que a  ideia de "realidade"  não  tem ao mesmo tempo um sabor de ficção? E que realidade (ou realidades) latino-americana  é essa de que estamos falando? 

Realismo Mágico ou Real Maravilhoso? Seja como for classificado, o gênero narrativo surgiu na América Latina em meados do século passado através de escritores como o venezuelano Arturo Uslar Pietri, o cubano Alejo Carpentier, o guatemalteco Miguel Ángel Asturias, o colombiano Gabriel García Márquez, impulsionado pela literatura do argentino Júlio Cortázar e da chilena Isabel Allende e reinventado hoje por autores e autoras contemporâneos.

Em resumo, tanto o Realismo Mágico como o Real Maravilhoso, surgiram como um contraponto às narrativas hegemônicas formuladas no norte global e propunham uma nova forma de olhar para a realidade ao redor, questionando a validade das oposições: real e irreal, natural e sobrenatural, ciência e magia. Também o cinema se apropriou do gênero e filmes que se caracterizam pelos elementos mágicos, pelo tempo não linear, em transformar vivências comuns em sobrenaturais, inserir outras cosmovisões e explorar a relação com a natureza, tem despontado na cinematografia latino-americana em anos recentes.

 

A partir dessa visão transgressora – que enxerga e insere na própria realidade o extraordinário, o insólito, o excepcional – é possível expandir nossa percepção do presente, dos fluxos da vida, do cotidiano e do corriqueiro. Permite contar as histórias do mundo através de outro prisma, que talvez possa nos ajudar a compreender o nosso lugar nele e a impulsionar a construção de outros mundos possíveis.

_____

cronograma

Os encontros combinam momentos expositivos, análise de filmes e participação coletiva, percorrendo diferentes intersecções entre Realismo Mágico,  América Latina e Cinema.

 

As pessoas participantes terão acesso gratuito a todos os materiais de estudo descritos abaixo.

 

Encontro 1

> Reflexões sobre a ideia de América Latina e a invenção da latinidade, considerando o cinema como expressão de uma latinoamericanidade. 

 

> Surgimento, expoentes literários e características do Realismo Mágico na América Latina e suas relações com as identidades e paisagens latino-americanas. 

Exibição de trechos do filme Bretón es un bebé (Arturo Sottto, Cuba/Brasil, 2008). 

Encontro 2

> Análise do filme Ceniza Negra (Sofía Quirós, Costa Rica, 2019) pelas lentes do Realismo Mágico e como ele é inserido na trama. 

> Como o realismo mágico se insere (ou não) dentro de uma estrutura clássica de roteiro e da relação entre realismo mágico e narrativa clássica, utilizando filmes latino-americanos contemporâneos como referência. 

> Realismo Mágico, política e sociedade. Como filmes latino-americanos abordam temáticas urgentes (ditadura militar, violência no campo, questão de gênero) usando elementos do realismo mágico?

 

Filmografia de referência: Los Silencios (Beatriz Seigner, Brasil-Colômbia, 2017) O Pântano (Lucrecia Martel, Argentina, 2001); A Terra e a Sombra (Cesar Augusto Acevedo, Colômbia, 2015); Los Decentes (Lukas Valenta, Argentina, 2016); Los Viajes del Viento (Ciro Guerra, Colômbia, 2009); Uma Mulher Fantástica (Sebastián Lelio, Chile, 2017); Matar a un Muerto (Hugo Gimenez, Paraguai, 2019)

 

Encontro 3

> Estudo de caso do filme Los Silencios (Beatriz Seigner, Brasil / Colômbia / França, 2019), analisando o filme a partir da construção do roteiro desde o primeiro tratamento até sua versão final. 

> Realismo mágico e povos originários no cinema latino-americano.

> Uso do realismo mágico no documentário, tendo como referência o filme mexicano 499 (Rodrigo Reyes, México, 2020), em que um personagem fictício dos tempos da conquista espanhola desembarca no México dos dias atuais e se depara com os vestígios da violência colonialista. 


Filmografia de referência: A Teta Assustada (Claudia Llosa, Peru, 2009), O Abraço da Serpente (Ciro Guerra, Colômbia, 2015),  A Febre (Maya Da-rín, Brasil, 2019), La Llorona (Jayro Bustamante, Guatemala, 2021).

 

_____

sobre a professora

 

Isabella Poppe é historiadora e roteirista, doutoranda em História Social pela UFRJ, formada em Roteiro Audiovisual pela Escola de Cinema Darcy Ribeiro e pós-graduada em Dramaturgia pela Universidad Nacional de las Artes, em Buenos Aires. Participou da equipe de roteiro da série A Garota da Moto, finalista do prêmio ABRA. Em 2015, ganhou o edital Rumos Itaú Cultural para escrever o roteiro de longa Aqueles Olhos de Carvão Aceso, finalista no Prêmio Cabíria 2017 com uma menção honrosa do Canal Curta. Em 2020, foi novamente finalista do Prêmio Cabíria com o piloto de série Bandoleiras, projeto premiado no Concurso Novos Roteiros da OEI de 2020 e atualmente em fase de desenvolvimento com as produtoras Limonada e Tem Dendê. Foi roteirista freelancer na produtora Deserto Filmes e realizou os curtas ""Para Tetê"" (2015), ""Legionárias"" (2020) e ""A História É Nossa"" (2021). É colaboradora no Cineclube Cinelatino e foi uma das roteiristas selecionadas para o Talents Buenos Aires 2022. 

_______

para quem 

O curso é voltado para cineastas, roteiristas, críticos e todas as pessoas interessadas em cinema que busquem adquirir novas ferramentas para desenvolver projetos audiovisuais próprios e expandir sua criatividade.

 

O conteúdo apresentado, no entanto, é de grande interesse para pesquisadoras e curiosas em história e cultura da América Latina e pessoas engajadas no debate sobre a construção de uma identidade latino-americana por meio da arte e da cultura. 

_____

formato

No Marieta todas as aulas virtuais acontecem ao vivo (aulas síncronas), com interação constante entre docentes e alunes.

 

Para participantes que, por ventura, perderem um ou mais encontros as aulas ficarão gravadas e disponibilizadas online para poderem ser assistidas em até 10 dias após o fim do curso.

 

O curso conta com 03 encontros virtuais de 2h30 horas cada, totalizando 7h30 horas. 

Ao final da série de conferências, as pessoas participantes receberão um certificado do curso, emitido pelo Marieta. 

_____

investimento

R$ 250,00 – Valor Ideal

R$ 200,00 – Valor Reduzido

 

podendo ser parcelado em até 4x no cartão de crédito, sem juros \o/

O curso é um projeto realizado inteiramente de maneira auto-organizada, com recursos próprios e em colaboração.

Acreditamos que a valorização da vida cultural da sociedade seja de responsabilidade de todas as pessoas, cada uma contribuindo segundo as suas possibilidades.

A contribuição ideal corresponde ao valor cheio que consideramos adequado para participar. 

O valor reduzido é reservado para todas aquelas pessoas que querem contribuir para a realização dos encontros, mas não podem pagar o valor inteiro.

Reservamos 20% das vagas do curso para bolsistas. Na escolha das candidaturas, daremos prioridade para pessoas negras; indígenas; LGBTQIA+; periféricas; em situação de vulnerabilidade social.

____

links para inscrições

Para participar do curso, faça sua inscrição aqui!
 

Para pedidos de bolsas, envie sua solicitação através deste formulário até o dia 25.04.2022

[Precisa fazer um pagamento do exterior ou encontrou algum problema? Por favor, escreva para contato@projetomarieta.com.br]

Dúvidas? Mande um zap!

IMG_20211220_201342825.jpg

 Informações do Curso

Período

05, 10 e 12.05.2022

Quando

terças e quintas

Horário

18h30 às 21h

Programa

3 encontros

2h30 cada

Valor

R$ 250,00 ideal

R$ 200,00 reduzida

Inscrições

neste link

Pedidos de bolsas

neste link (até 25.04)

Dúvidas? Mande um zap!